Emoção e lágrimas na homenagem a Carlos Paião

2021-06-28

Os pais do homenageado vieram de Lisboa para assistir à cerimónia.

Emoção e lágrimas na homenagem a Carlos Paião

Os ilhavenses reuniram-se em massa no, agora requalificado, Jardim Henriqueta Maia, no centro da cidade, para assistir ao momento de inauguração da obra que incluiu, também, a apresentação da estátua de homenagem a Carlos Paião. 
Com a assinatura do artista plástico Albano Martins, a escultura, com a inscrição “#emPlayBack”, é feita em bronze, tem 1,80 metros de altura e ficará colocada ao nível do solo.
“Decidimos, de facto, colocar a estátua ao nível do chão porque ele [Carlos Paião] foi um rapaz que gostava de estar junto das pessoas e, portanto, esta estátua é para ser vivida por todos nós”, afirmou o autarca, Fernando Caçoilo. 
Quem não faltou a esta inauguração foram os pais do homenageado, os octogenários, Ofélia e Capitão Paião, que fizeram a viagem Lisboa-Ílhavo para assistir às cerimónias. 
À Vagos FM, o pai e a mãe de Carlos Paião revelaram-se comovidos. (ouvir áudio)
“Estamos muito orgulhosos”, confessa o Capitão Paião. 
A mãe do homenageado mostrou-se grata e surpresa pela dimensão que o nome do filho foi ganhando ao longo dos anos. 
A estátua de homenagem ao cantor Carlos Paião está exposta na envolvente ao Jardim Henriqueta Maia, obra que resulta de um investimento de 1,4 milhões de euros e que se insere na estratégia municipal de reabilitação do Espaço Urbano Central de Ílhavo.

 

 

 

- Publicidade -

- Publicidade -

 

- Publicidade -

 

 

- Publicidade -