Sexagenária constituída arguida por violar confinamento obrigatório a que estava sujeita

2021-01-25

A mulher, de 64 anos, mostrou-se consciente de que tinha infringido as regras de confinamento, ao ser localizada a circular na via pública.

Sexagenária constituída arguida por violar confinamento obrigatório a que estava sujeita

Detida mulher de 64 anos por violação do confinamento obrigatório a que estava sujeita, na localidade de Alvarenga, concelho de Arouca. 

No decorrer de uma ação de policiamento para a verificação de dever de confinamento obrigatório, os militares da GNR deslocaram-se à residência da suspeita, tendo verificado que esta se tinha ausentado do domicílio. 

Após diligências policiais, a suspeita foi localizada a circular na via pública, mesmo consciente de que tal prática não era permitida. 

A mulher acabou por ser detida e constituída arguida e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Arouca. 

 

 

- Publicidade -

- Publicidade -

 

- Publicidade -

 

 

- Publicidade -